Jornal do Brasil

Quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

Internacional

Sobe para 301 o número de mortos em mina na Turquia

Agência ANSA

O governo da Turquia anunciou hoje, 17, que não há mais mineiros soterrados na mina que explodiu na cidade de Soma na última terça-feira, 13. Com o resgate dos corpos das últimas duas pessoas que estavam no local, o saldo definitivo de mortos é de 301 trabalhadores. "A missão de salvamento terminou. Não há mais mineiros no fundo da mina", explicou o ministro da Energia da Turquia, Taner Yildiz. 

A polícia reforçou hoje a segurança na cidade de Soma, que foi palco de protestos contra o governo após o acidente. Ontem, a polícia repreendeu brutalmente uma manifestação que reuniu cerca de 10 mil pessoas. O gabinete do governador local já anunciou que as autoridades não tolerarão mais nenhuma nova manifestação. Nesta manhã, as forças de segurança na cidade estavam realizando frequentes controles de identidade. 

Foi divulgado hoje que a polícia turca tentou prender um garoto de 10 anos durante as manifestações da última quinta-feira. A criança estava com os pais em frente a um parque, quando o policial tentou fazer a prisão. Os manifestantes, revoltados, impediram que a ação fosse levada adiante. De acordo com o site Zaman Online, 15 membros da Ordem dos Advogados Progressistas Jurídicos (CHD) que chegaram a Soma para ajudar as famílias das vítimas do incidente foram presos, alguns foram espancados. Fotos dos advogados algemados estão circulando nas redes sociais. 

Tags: Explosão, mina, mortos, resgate, turquia

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.