Jornal do Brasil

Quinta-feira, 31 de Julho de 2014

Internacional

Eleições no Panamá transcorrem sem incidentes, diz tribunal

Agência Brasil

Cerca de 2,5 milhões de eleitores panamenhos foram convocados para as eleições gerais de hoje (4), em que serão escolhidos presidente, vice-presidente e 71 deputados da Assembleia Nacional. De acordo com um balanço oficial divulgado pelo Tribunal Eleitoral do país, não houve incidentes importantes e as eleições transcorrem dentro da normalidade. As eleições também definirão os nomes de 77 prefeitos, além de vereadores.

As eleições são acompanhadas por uma missão observadora da Organização das Nações Unidas (OEA), que na sexta-feira (2) havia pedido "calma" aos partidos políticos devido ao acirramento de tensões decorrentes da pequena diferença entre três candidatos mais bem colocados nas pesquisas de opinião.

Ao todo, sete candidatos disputam a Presidência, mas as últimas pesquisas de intenção de voto divulgadas no país mostraram três como favoritos, com pequena margem de diferença: José Domingo Arias, do Cambio Democrático, que tem o apoio do atual presidente, Ricardo Martinelli, e os opositores Juan Carlos Varela, do Partido Panameñista, e Juan Carlos Navarro, do Partido Revolucionário Democrático.

Apesar do anúncio de tranquilidade ao longo do processo, há reclamações de bloqueios de celulares por usuários das redes sociais e por políticos. O próprio presidente Martinelli escreveu em sua conta no Twitter que seu celular sofreu vários bloqueios. "Vamos ficar atentos, porque estão entrando gravações no meio das nossas conversas", disse. Integrantes de partidos de oposição também reclamaram de bloqueios telefônicos e pediram investigação policial.

Os colégios eleitorais serão fechados às 18h30 (horário de Brasília, 16h30, no horário local) e a Justiça Eleitoral informou que divulgará parciais em tempo real até que a apuração seja concluída.

Tags: colégios, panamenhos, pleito, tranquilidade, urnas

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.