Jornal do Brasil

Quinta-feira, 21 de Agosto de 2014

Internacional

Buscas por corpos são interrompidas no Afeganistão

Mais de duas mil pessoas morreram em deslizamento de terra

Agência ANSA

O governador da província de Badakhshan, no Afeganistão, Shah Walihullah Adeeb, anunciou que as buscas por corpos após o grande deslizamento de terra no local serão interrompidas. Segundo Adeeb, o local será um "cemitério coletivo" e "não há meios e máquinas para fazer escavações, por isso parar as buscas é a única escolha possível".    

Até o momento, 2,1 mil pessoas já foram retiradas do local sem vida e o resgate desses corpos foi feito escavando à mão ou com ferramentas simples. 

Adeeb havia informado nesta sexta-feira (03), dia do deslizamento, que a tragédia foi causada pelas chuvas torrenciais que atingem a província.    

Autoridades locais acreditam que o número de mortos pode passar de 2,5 mil pessoas e que cerca de 400 casas foram destruídas.    

Policiais locais confirmaram à ANSA que 3 mil pessoas foram retiradas da região.

Tags: afegãos, desmoronamento, mortes, socorro, Terra

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.