Jornal do Brasil

Terça-feira, 2 de Setembro de 2014

Internacional

UE, Ucrânia e Rússia vão discutir fornecimento de gás

Agência Brasil

União Europeia, Ucrânia e Rússia discutirão na sexta-feira (2) o fornecimento de gás natural à Ucrânia. Os três lados serão representados pelo comissário europeu da Energia, Gunther Oettinger, e pelos ministros da área russo, Alexandre Novak, e ucraniano, Iouri Prodan, que se reunirão em Varsóvia, capital da Polônia. Cerca de 50% do gás consumido na Ucrânia são vendidos pela Rússia.

No início do mês, a empresa estatal russa de gás natural Gazprom anunciou o fim do desconto no gás vendido à Ucrânia, elevando o preço pago pelo governo ucraniano em mais de 40%. O desconto era dado em troca do aluguel da base da frota russa no Mar Negro. No dia 21 de março, após a anexação formal da Crimeia, península estratégica onde fica a base, a Rússia anunciou a suspensão do desconto, firmado em abril de 2010, de US$ 100 para cada 1 mil metros cúbicos de gás.

Segundo o porta-voz da Comissão Europeia, Pia Hansen, a reunião é um “passo construtivo”. Para reduzir a alta dependência do gás russo, a Ucrânia tenta negociar com outros países europeus o fornecimento do produto. Ontem, a União Europeia anunciou sanções a mais 15 pessoas "responsáveis por ações que comprometem ou ameaçam a integridade territorial, a soberania e a independência da Ucrânia", incluindo o chefe do Estado-Maior do Exército e o chefe dos serviços de informações da Rússia.

Tags: diálogo, energia, Europa, gás, russia, união

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.