Jornal do Brasil

Terça-feira, 21 de Outubro de 2014

Internacional

Peregrinos começam a chegar em Roma para canonizações

Agência ANSA

A três dias da cerimônia de canonização dos papas João Paulo II e João XXIII, a cidade de Roma começou a ser tomada por peregrinos. Até domingo, a capital da Itália também receberá delegações oficiais de 90 países e 24 chefes de Estado e de Governo. A Itália, país natal de João XXIII, será representada no Vaticano pelo primeiro-ministro Matteo Renzi e pelo presidente Giorgio Napolitano. Já a Polônia, terra de João Paulo II, contará com o presidente Bronis?aw Komorowski na missa a ser celebrada na Praça São Pedro, a partir das 10h de domingo.

    As relíquias dos dois Pontífices serão expostas no Vaticano após a cerimônia de canonização. A do polonês Karol Wojtyla é uma pequena ampola de sangue, já a do italiano Angelo Roncalli é um pedaço de pele que foi recolhido de seu corpo em sua exumação em 2000. Cerca de 150 cardeais, mil bispos e 6 mil sacerdotes celebrarão a missa de canonização junto com o papa Francisco. "A cerimônia será o centro da atenção de todo o planeta.

    Calcula-se que 2 bilhões de pessoas assistirão à missa, incluindo internautas. Devemos nos sentir orgulhosos com isso. É um dia de festa por vários motivos", disse o prefeito de Roma, Ignazio Marino.

    O prefeito informou que 2,6 mil voluntários da Defesa Civil e 2 mil agentes da polícia operarão durante a missa de canonização.

    Serão montados 14 postos médicos e 17 telões em toda a cidade, para os peregrinos que não conseguirem entrar na Praça São Pedro. "Organizamos um plano extraordinário com as forças de segurança, a Cruz Vermelha e todos os agentes de mobilidade. O metrô, pela primeira vez, ficará aberto durante a noite. Também temos um plano para os ônibus, pois esperamos receber 4 mil ônibus de turismo de várias partes da Europa", disse Marino. A euforia em Roma é tanta que contagiou até os jogos de loteria.

    Os números mais recorrentes nas apostas são 27 e 4, referentes ao dia e mês da cerimônia de canonização, e o 2 e 23, relacionados ao nome dos Papas. A diocese de Roma promoverá, a partir de amanhã, uma série de encontros de reflexão e orações para preparar os peregrinos para a cerimônia. Também está programada uma noite de vigília em igrejas da cidade, com missas em vários idiomas. Quem estiver na capital italiana poderá ver ainda uma exposição de 120 fotografias dos principais momentos de João Paulo II e João XXIII. A mostra está em cartaz nos Museus Vaticanos, com o título "A humildade e a coragem que mudaram e história". A curadoria é de Paolo Di Giammaria, responsável pela Fototeca Vaticana, e do fotógrafo oficial de João Paulo II, Arturo Mari.

    Mas é preciso ficar atento, pois os museus estarão fechados no domingo. 

Tags: João, papa, paulo, vaticano, xxiii

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.