Jornal do Brasil

Quinta-feira, 21 de Agosto de 2014

Internacional

Preso no Líbano, aliado de Berlusconi é internado

Marcello Dell'Utri foi condenado por associação mafiosa

Jornal do Brasil

Detido no Líbano desde o último sábado (12), o ex-senador italiano Marcello Dell'Utri, considerado braço-direito do ex-premier Silvio Berlusconi, foi internado no hospital Al Hayat, em Beirute. O ex-parlamentar segue sob custódia da polícia.    

Esse local teria sido escolhido porque possui um pequeno pavilhão vigiado pelas forças de segurança reservado aos presos. A transferência de Dell'Utri, que tem 73 anos e já passou por diversas cirurgias no coração, foi aprovada pelo procurador-geral da Corte de Cassação italiana, que acompanha o caso.    

Segundo o advogado do político no Líbano, Nasser Al Khalil, a decisão foi tomada com base em um relatório elaborado por um cardiologista que visitou o italiano na sede do comando da polícia em Beirute. Esse documento diz que Dell'Utri necessita de monitoramento contínuo, ainda que sua condição não cause preocupação.    

"A internação foi decidida apenas por razões humanitárias, não tem nada a ver com o processo de extradição aberto pela Itália", disse Khalil. O ex-senador foi condenado em seu país a sete anos de prisão por associação mafiosa. Ele foi encontrado em um hotel de luxo da capital libanesa com uma grande quantia de dinheiro, após a expedição de um mandado de captura internacional.

Tags: doença, ex-senador, italiano, marcello dell'utri, prisão

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.