Jornal do Brasil

Sexta-feira, 31 de Outubro de 2014

Internacional

Tribunal condena Berlusconi a um ano de serviço comunitário

Agência Brasil

Um tribunal de Milão condenou hoje (15) o ex-primeiro-ministro italiano Silvio Berlusconi a um ano de serviço comunitário por fraude fiscal, informou a imprensa italiana.

Berlusconi, 77 anos, afastado do Senado e proibido de se candidatar por seis anos no âmbito de outro processo judicial, terá também, a partir de agora, seus movimentos limitados: está obrigado a permanecer na Lombardia, região de que Milão é a capital, e necessita de autorização especial para viajar a Roma para trabalho político.

O ex-primeiro-ministro, que se mantém como principal figura do partido oposicionista Forza Italia, lidera a campanha do partido para as eleições europeias de maio.

A imprensa italiana já tinha noticiado que os advogados de Berlusconi pediram ao tribunal que optasse pelo serviço comunitário, a ser feito uma vez por semana em um centro para idosos em Milão, em vez da prisão domiciliar.

A lei italiana permite que os condenados com idade igual ou superior a 70 anos que não estejam envolvidos em crimes de sangue sejam poupados da pena de prisão.

O processo envolve fraude fiscal na compra de direitos televisivos pelo império de comunicação Mediaset, de propriedade de Berlusconi, nos anos 90.

Berlusconi declarou-se inocente de qualquer crime e disse que os processos judiciais que lhe foram movidos fazem parte de uma conspiração do sistema judicial para o afastar da política.

Tags: Berlusconi, itália, judicial, premier, processo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.