Jornal do Brasil

Quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

Internacional

Premiê turco acusa Twitter de sonegação de impostos

Twitter ficou bloqueado no país entre os dias 20 de março e 3 de abril

Portal Terra

O governo da Turquia acusou o Twitter de sonegar impostos, após o microblog ter sido usado para difusão de mensagens sobre corrupção implicando o círculo interno da administração do primeiro-ministro turco, Recep Tayyip Erdogan. Segundo a agência AFP, o premiê apontou as acusações em um programa de TV no país.

“Twitter, Youtube e Facebook são companhia internacionais, estabelecidas pelo lucro”, disse Erdogan. “Twitter é ao mesmo tempo um sonegador de impostos. Nós iremos atrás disso”, completou.

A disputa entre o mandatário turco e as redes sociais começou no último mês, durante a atual campanha eleitoral na Turquia. Erdogan ordenou à Autoridade Turca de Comunicação (TIB) o bloqueio dos cidadãos turcos ao Twitter no dia 20 de março, uma semana depois o Youtube foi bloqueado.

No último dia 3 de abril, após decisão da Justiça concedendo o direito do Twitter operar no país, órgão regulador liberou o acesso do microblog no país.

O Youtube continua bloqueado, embora tenha sido liberado pela justiça na última quarta-feira.

Tags: bloqueio, Corrupção, redes sociais, turquia, Twitter

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.