Jornal do Brasil

Quarta-feira, 1 de Outubro de 2014

Internacional

Ban Ki-moon parabeniza diálogos na Venezuela

Governo Nicolás Maduro se reuniu com líderes da oposição

Agência ANSA

Por meio de nota, o secretário-geral da Organização das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-moon, parabenizou o inicio do diálogo entre o governo do presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, e a oposição. Os dois lados se reuniram na tarde de quinta-feira (10) pela primeira vez depois do início da onda de protestos no país, em fevereiro. A conversa foi mediada pela União de Nações Sul-Americanas (Unasul).   

"Ele [Ban] parabeniza tanto o governo quanto a oposição por seu compromisso público com este diálogo, que está sendo acompanhado por um representante da Santa Sé e pelos ministros das Relações Exteriores do Brasil, Colômbia e Equador, representando a Unasul", diz o comunicado.    

Nesta sexta-feira (11), o papa Francisco enviou uma mensagem de paz ao núncio apostólico em Caracas, Aldo Giordano. Direcionado aos políticos venezuelanos, o texto do Pontífice ressalta que a violência "não conduz nunca à paz" e pede para os líderes encontrarem formas de superaram suas diferenças.    

"O secretário-geral expressa seus melhores votos pelo sucesso do diálogo e se une à Sua Santidade, o papa Francisco, em seu chamado a todos os atores para se engajar em um diálogo [...] para superar os desafios enfrentados pela Venezuela", diz a nota da ONU.    

Balanço

Subiu para 41 o número de mortos nos protestos antigoverno que acontecem desde fevereiro nas cidades venezuelanas. As últimas vítimas fatais foram José Darma, um oficial da Guarda Nacional Bolivariana (GNB) baleado na quarta-feira (9) em Barquisimeto (leste do país), e Mariana Ceballos, atropelada por um carro durante uma manifestação em Valencia (centro-norte) no dia 14 de março.

Tags: diálogo, maduro, onu, potesto, Venezuela

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.