Jornal do Brasil

Sábado, 22 de Novembro de 2014

Internacional

Obama promove igualdade salarial entre homens e mulheres

Agência Brasil

O presidente norte-americano, Barack Obama, anunciou, nessa terça-feira (8), uma "agenda para a igualdade de oportunidades", a favor de uma "carreira justa para todos" e que permita às mulheres ganhar o mesmo que os homens no desempenho da mesma função.

Ele assinou uma ordem executiva e um memorando para a administração federal, no sentido de não retaliar contra os empregados por reivindicarem salários e não ocultar informação salarial das empregadas aos inspetores do trabalho.

O presidente dos Estados Unidos criticou os republicanos por se oporem a medidas que levam à igualdade salarial. Obama apelou ao Congresso para que aprove uma lei nacional que promova a transparência de salários e permita às mulheres equiparar os seus salários com os dos homens.

Uma mulher recebe 77 cêntimos por dólar ganho por um homem, é algo que não se deve consentir em 2014, especialmente quando a força laboral feminina é aproximadamente metade do total, e as mães são, em muitos casos, o sustento da economia familiar, salientou.

"Uma mulher tem que trabalhar três meses mais para conseguir receber o mesmo que um homem ganha em um anos no mesmo posto de trabalho”, sustentou o presidente, que durante o anúncio esteve acompanhado por funcionárias da Casa Branca.

Obama destacou ainda a desvantagem enfrentada pelas mulheres latinas e afro-americanas nos Estados Unidos.

Tags: carreira, dinheiro, EUA, gênero, igualdade

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.