Jornal do Brasil

Segunda-feira, 24 de Novembro de 2014

Internacional

Manifestantes pró-russos invadem edifício governamental em Donetsk, na Ucrânia

Agência Brasil

Cerca de 50 manifestantes pró-Moscou invadiram um prédio do governo na cidade ucraniana de Donetsk. O grupo forçou a barreira policial que tentava conter o movimento e entrou no edifício içando uma bandeira da Rússia.

Os ativistas, que entraram no prédio de 11 andares, participavam de uma marcha em protesto contra o governo ucraniano no centro da cidade, que fica no Leste do país. Durante a invasão, o grupo lançou bombas contra os policiais.

No último dia 3, o resultado de um inquérito do Ministério do Interior da Ucrânia acusou o presidente deposto Viktor Ianukóvitch de ser o responsável por ataques sucessivos em fevereiro que, em três dias mataram cerca de 90 pessoas. Ainda de acordo com as investigações, agentes do serviço secreto russo FSB também participaram dos ataque a manifestantes no centro de Kiev, na ação que ficou conhecida como 'operação antiterrorista'.

Quase 20 pessoas, a maioria manifestantes, foram mortas a tiro na noite de 18 para 19 de fevereiro em Kiev. No dia 20, mais 60 pessoas morreram em confrontos que começaram de manhã e se prolongaram até o fim da tarde.

A Rússia acusou forças ultranacionalistas de abrir fogo contra a polícia para desencadear confrontos que pudessem imputar a Ianukóvitch.

Tags: ativistas, fsb, ianukóvitch, russia, UCRÂNIA

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.