Jornal do Brasil

Terça-feira, 21 de Outubro de 2014

Internacional

Esquerda francesa sofre derrota histórica nas urnas

Agência ANSA

A esquerda francesa, da qual faz parte o presidente François Hollande, sofreu uma derrota histórica nas eleições municipais locais, perdendo postos em 155 cidades do país, de acordo com o ministro do Interior, Manuel Valls.

"Dez cidades com mais de 100 mil habitantes passaram da esquerda para a direita, assim como outros 40 municípios com 30 mil a 100 mil habitantes, e 105 com 9 mil a 30 mil habitantes", disse Valls.

Diante do resultado das urnas, Hollande se reuniu por mais de uma hora e meia com o premier Jean-Marc Ayrault. Ainda nesta segunda-feira (31), ele deve se encontrar com Valls, já que pesquisas de opinião indicam o ministro como favorito para substituir o premier. O mandatário anunciará uma reforma em seu gabinete para tentar conter uma escalada em sua desaprovação.

"Hollande em uma armadilha de uma derrota histórica", destacou o jornal "Le Monde" em sua primeira página, afirmando que este é o pior resultado, em meio século, para a esquerda francesa, principalmente para os socialistas.

O segundo turno das eleições municipais francesas foi realizado ontem (30), em todo o país, e teve como destaque o avanço da extrema-direita, liderada por Marine Le Pen, do partido Frente Nacional. O índice de abstenção, porém, foi alto e chegou a quase 40%. 

Tags: acordos, direita, Eleições, França, presidente

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.