Jornal do Brasil

Terça-feira, 30 de Setembro de 2014

Internacional

Justiça indiana aceita recurso de fuzileiros italianos

Agência ANSA

A Corte Suprema da Índia acolheu nesta sexta-feira (28) o recurso dos dois fuzileiros italianos detidos no país contra o uso da lei antiterrorismo no processo em que são acusados de matar dois pescadores. Além disso, o tribunal suspendeu temporariamente o caso, e a próxima audiência acontecerá daqui a quatro semanas.    

Fontes judiciárias explicaram à ANSA que o apelo apresentado pelos militares Massimiliano Latorre e Salvatore Girone "contesta o direito da Índia de conduzir a investigação e de julgá-los". "A posição da Itália permanece inalterada, ao reivindicar com força o uso da jurisdição italiana no caso e ao pedir o imediato retorno dos nossos fuzileiros. Continuaremos a desenvolver todas as ações internacionais necessárias para atingir o quanto antes esses objetivos", diz uma nota divulgada pelo palácio Chigi, sede do governo da Itália.    

Latorre e Girone respondem pela morte de dois pescadores em 15 de fevereiro de 2012, quando estavam a bordo de um navio petroleiro italiano. O incidente ocorreu em águas internacionais perto do estado de Kerala, e os réus justificam a ação afirmando que dispararam para defender a embarcação de um ataque pirata.    

Desde então, as audiências do processo vêm sendo frequentemente adiadas, e até hoje os militares não sabem qual lei será aplicada contra eles. 

Tags: Indiano, itália, militares, sentença, Tribunal

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.