Jornal do Brasil

Sábado, 22 de Novembro de 2014

Internacional

Deputada opositora é cassada na Venezuela

Agência ANSA

O presidente da Assembleia Nacional da Venezuela (AN), Diosdado Cabello, anunciou ontem, 24, que a deputada opositora Maria Corina Machado perdeu o seu cargo e está proibida de entrar na Assembleia. De acordo com Cabello, Maria Machado deixou de ser deputada ao aceitar ser representante alterna do Panamá na Organização dos Estados Americanos (OEA). O presidente também sublinhou que, desta forma, a deputada perde sua imunidade parlamentar e poderá ser investigada como qualquer cidadão. 

Neste mês, o presidente Nicolás Maduro rompeu relações com o Panamá após o país levar a crise venezuelana à OEA, que já deixou 36 mortos desde 12 de fevereiro devido aos protestos na Venezuela. Cabello afirmou que Machado deixou de lado suas responsabilidades como deputada e que teria violado o artigo 149 da Constituição, que determina que nenhum deputado pode aceitar cargos e honras de governos estrangeiros sem autorização da Assembleia. "Vamos levar a violação ao Ministério Público para que seja acrescida a investigação que já se encontra aberta", afirmou Cabello. Maria Machado, que está no Peru para um seminário, escreveu em sua conta no Twitter que "continua sendo deputada enquanto o povo assim o quiser". (ANSA)

Tags: economia, maduro, manifestação, oposição, protesto

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.