Jornal do Brasil

Quinta-feira, 18 de Dezembro de 2014

Internacional

Ministro diz que metade dos eleitores da Crimeia já foi às urnas

Agência Brasil

A Crimeia decide hoje (16) em referendo se volta a submeter seu território, localizado ao Sul da Ucrânia, à Rússia. Por volta das 12h30 (7h30 em Brasília), o primeiro-ministro da Crimeia, Sergei Aksyonov, disse que quase metade dos cerca de 1,5 milhão de eleitores já havia ido às urnas. 

As autoridades locais esperam que aproximadamente 70% dos eleitores participem da consulta. Há cerca de 1,2 mil locais para a votação, que se iniciou às 8h (3h em Brasília) e vai até as 20h (15h em Brasília). Pelas regras da Crimeia, o resultado será válido se a participação ultrapassar os 50%. 

O referendo é reconhecido como legítimo apenas pela Rússia. Uma minoria tártara, que representa cerca de 12% da população da Crimeia, decidiu boicotar a consulta, que também é contestada pelo Ocidente, que ameaça sanções duras à Rússia a partir de amanhã (17). Na votação de hoje, os eleitores respondem a duas perguntas: se aprovam a reunificação da Crimeia como membro da Federação da Rússia e se aprovam a restauração da Constituição da Crimeia de 1992 e o estatuto do território como parte da Ucrânia. 

A crise diplomática envolvendo a península com 2 milhões de habitantes é considerada a mais grave da região desde o fim da Guerra Fria, no início da década de 1990. Entre os habitantes da Crimeia, 58,32% são russos, 24,32% são ucranianos e 12,1% tártaros da própria península.

Tags: a duas, a reunificação, aprovam, eleitores, perguntas, respondem, se

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.