Jornal do Brasil

Quinta-feira, 2 de Outubro de 2014

Internacional

Kerry ameaça tomar 'atitudes sérias' contra Moscou

Agência ANSA

O secretário de Estado norte-americano, John Kerry, ameaçou tomar "atitudes sérias" contra a Rússia caso o referendo da Crimeia seja levado adiante. Kerry afirmou que se o referendo for aprovado no domingo (16), a partir de segunda-feira (17), sanções serão impostas aos russos.    

Durante esta quinta-feira (13), Kerry conversou com diversas autoridades mundiais para tentar criar um grupo de contato que acabe com a crise na Ucrânia. Uma das autoridades contatadas foi o chanceler britânico William Hague, que teve um "contato telefônico útil" com o secretário de Estado. Além do contato com Hague, Kerry também participou de uma conferência com o secretário-geral das Organizações das Nações Unidas (ONU), Ban Ki-Moon, e diversas autoridades da Itália, Polônia, França, Grã-Bretanha, Turquia e Canadá, para debater a situação ucraniana. 

O grupo declarou que "se todos se esforçarem para manter o diálogo, poderão ser vistos resultados". Eles aguardam o andamento da situação na Crimeia para decidir os próximos passos. Se o referendo for realizado, eles se reunirão em Bruxelas, na segunda-feira para decidir as punições à Rússia.

Tags: capital, crise, mortes, política, UCRÂNIA

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.