Jornal do Brasil

Segunda-feira, 22 de Setembro de 2014

Internacional

Justiça indiana confirma pena de morte para 4 condenados por estupro coletivo

Agência Brasil

A Corte Superior de Nova Delhi, na Índia, confirmou hoje (14) a pena de morte para quatro homens condenados pelo estupro coletivo de uma estudante de 23 anos, em um ônibus, em dezembro de 2012.  A vítima do estupro morreu, em consequência dos ferimentos, dias depois em um hospital em Cingapura.

Os quatro condenados haviam recebido essa mesma pena por uma corte inferior, em setembro do ano passado, mas recorreram à instância mais alta, que teve o mesmo entendimento. Segundo a defesa dos condenados, a decisão será levada à Suprema Corte, a última instância. Enquanto não há decisão definitiva, os quatro homens permanecem detidos na Prisão de Segurança Máxima de Tihar, próximo a Nova Delhi.

De acordo com a Corte Superior, o crime, que motivou protestos no país contra crimes sexuais contra mulheres, se encaixa na "mais rara das raras" situações em que se permite a pena de morte na Índia.  O quinto suspeito de ter participado do ocorrido, o motorista do ônibus onde o estupro foi cometido, morreu na prisão em março de 2013, em um aparente caso de suicídio. O sexto envolvido, que era menor de idade quando cometeu o crime, foi condenado a três anos em um reformatório, a pena máxima permitida a menores pelas leis do país.

Tags: condenação, índia, justiça, sexual, violência

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.