Jornal do Brasil

Domingo, 26 de Outubro de 2014

Internacional

Ucrânia: França quer "suspensão" de preparativos do G8 em Sochi

Agência Brasil

O chefe da diplomacia francesa, Laurent Fabius, disse hoje (2) à Rádio Europe 1 que a França espera que sejam suspensas "as reuniões de preparação da Cúpula do G8”, prevista para junho na cidade russa de Sochi. Fabius condenou a “escalada militar russa” na Crimeia, acrescentando que Paris quer que seja “suspensa a preparação do G8 de Sochi. Para Fabius, os parceiros russos não têm se regido pelos princípios definidos pelo G8 (grupo formado pela Alemanha, França, Itália, o Reino Unido, Canadá, os Estados Unidos, o Japão e a Rússia). A Crimeia é uma península do Sul da Ucrânia, onde se fala russo e está localizada a frota da Rússia no Mar Negro.

Ontem, o governo norte-americana informou, por meio de comunicado oficial, que decidiu suspender a participação nas reuniões preparatórias da Cúpula do G8.

O comunicado foi divulgado após uma conversa telefônica de 90 minutos entre os presidentes Barack Obama, dos Estados Unidos, e Vladimir Putin, da Rússia. Na conversa, Obama pediu o recuo das forças russas para as bases na Crimeia e advertiu o país contra o isolamento internacional crescente, se for mantida a intervenção na Ucrânia.

O Canadá, por sua vez, decidiu suspender a participação na reunião do G8. Além disso, retirou o embaixador na Rússia, em protesto pela intervenção militar russa na Ucrânia, e solicitou ao governo russo que “retire imediatamente” as suas tropas do país.

A Câmara Alta do Parlamento russo aprovou nesse sábado, por unanimidade, um pedido do presidente Vladimir Putin para autorizar "recurso às Forças Armadas russas no território da Ucrânia".

Tags: CONFLITO, crise, política, protesto, UCRÂNIA

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.