Jornal do Brasil

Domingo, 21 de Dezembro de 2014

Internacional

Maratona de Boston vai proibir mochilas e sacos

Agência Brasil

A organização da Maratona de Boston anunciou hoje (27) a proibição de mochilas e sacos em alguns locais da prova, no âmbito das medidas de segurança introduzidas um ano depois dos atentados que mataram três pessoas, em 2013. "Mochilas e sacos não serão permitidos em certos locais, na partida e na área perto dela, em Hopkinton, nas imediações, em Boston, e ao longo do percurso”, informou a organização.

Na edição de 2013 da corrida, bombas explodiram próximo à linha de chegada, provocando a morte de três pessoas e ferindo 250, levando a organização a adotar medidas de segurança mais rígidas para a prova de 2014. Este ano, nem mesmo os participantes poderão transportar mochilas ou sacos para guardar os seus pertences.

“Com um aumento da área e para segurança de todos, estamos trabalhando com as autoridades para assegurar que vamos preservar a excepcional experiência na corrida, que faz da Maratona de Boston uma referência no mundo do desporto, ao mesmo tempo em que fazemos o dia da competição mais seguro e agradável para todos”.

A organização apela à “cooperação, paciência e compreensão” dos participantes.

Na corrida de Boston, marcada para 18 de abril, vão ser também proibidos recipientes de vidro, garrafas com mais de 1 litro de líquido, assim como roupa com bolsos, volume ou máscaras, sendo que a organização vai fornecer sacos de plástico transparente para os corredores que pretendam levar roupa para trocar à chegada.

"Qualquer outra pessoa no percurso que não esteja inscrita, ou que tenha escondido, será banida, acrescenta a Associação de Atletismo de Boston.

Tags: Atentado, bomba, corrida, EUA, Explosão

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.