Jornal do Brasil

Domingo, 23 de Novembro de 2014

Internacional

Cela de líder da oposição ucraniana pode virar museu

Agência ANSA

A cela onde esteve detida a líder da oposição ucraniana Yulia Tymoshenko no hospital de Kharkov poderá virar museu. As informações foram divulgadas pelo jornal Komsomolskaya, que expressou perplexidade em relação à decisão da administração do local, já que na cela não existem mais objetos pessoais de Tymoshenko e as instalações já estão sendo utilizadas pelo departamento de cirurgia e reanimação, devido a carência de espaço no hospital. Pertencente ao partido Pátria, Tymoshenko foi primeira-ministra por duas vezes, entre janeiro e setembro de 2005 e de dezembro de 2007 a março de 2010. 

Ela estava internada em estado de detenção em um hospital de Kharkov, onde se recuperava de uma hérnia de disco desde maio de 2012. A opositora foi condenada após ser acusada de assinar acordos para a compra de gás russo que teriam provocado prejuízos ao seu país. A ex-premier, que foi recentemente libertada, diz que a sentença é fruto de uma perseguição por parte do presidente Viktor Yanukovich. (ANSA)

Tags: CONFLITO, crise, política, protesto, UCRÂNIA, yulia tymoshenko

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.