Jornal do Brasil

Quarta-feira, 16 de Abril de 2014

Internacional

Publicação de fotos de Hollande e Gayet é investigada

Agência ANSA

Uma investigação preliminar foi aberta na França por conta da publicação em janeiro pela revista Closer de fotos do presidente François Hollande com sua suposta amante, a atriz Julie Gayet, fato que acabou levando ao fim do seu relacionamento com a jornalista Valérie Trierweiler.    

A denúncia de violação de privacidade foi apresentada por Gayet, que pede uma indenização de 50 mil euros (R$ 163 mil) por danos morais, além de mais 4 mil (R$ 13 mil) pelas despesas com o processo e da divulgação de uma eventual condenação na primeira página da revista.    

Enquanto isso, Trierweiler concedeu para a semanal italiana Chi sua primeira entrevista exclusiva desde que encerrou a união com Hollande. Na edição que será publicada nesta quarta-feira (5), a ex-primeira-dama da França diz que não acha que sua vida está passando por um momento de crise por conta do escândalo em que se viu envolvida. "No Palácio do Eliseu [sede do governo francês] eu encontrei um mundo dourado. Nem todos sabem, mas minha mãe era caixa e meu pai inválido. Eu cresci em uma casa popular, e nesses últimos meses eu percebi o quanto eu tive sorte. A vida não para apenas porque não sou mais a primeira-dama", afirmou.    

A matéria virá ilustrada com fotos da viagem de Trierweiler à Índia, onde ela visitou um hospital pediátrico em Mumbai. "Pode parecer estranho, mas não considero esse um momento de crise. Não é a primeira vez que há um rompimento na minha vida. Sim, foi violento e midiático, mas não lamento nada. Retomarei a minha vida, que será enriquecida por essa nova experiência", acrescentou a jornalista, ressaltando que deixa um mundo onde "a falsidade é vencedora".    

Na entrevista, a ex-primeira-dama também declarou que vai se dedicar a causas sociais. "Percebi que durante muito tempo vivi como egoísta. Vivia pelos meus filhos, minha família, meu trabalho. Não doava nada", completou.

Tags: atriz, fotos, França, presidente, Romance

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.