Jornal do Brasil

Sexta-feira, 1 de Agosto de 2014

Internacional

Negociações em Genebra chegam a impasse

Agência Brasil

As conversações de paz sobre a Síria em Genebra, na Suíça, chegaram a um impasse depois de uma breve reunião hoje (27) de manhã, em que regime e oposição discutiram a transferência do poder no país. As negociações foram suspensas depois de a delegação que representa o regime de Bashar Al Assad ter apresentado uma declaração de princípios sobre a proteção das instituições estatais e a ameaça de grupos terroristas.

A oposição rejeitou o documento, insistindo que as conversações têm de centrar-se em uma transição política, e o mediador do encontro, o enviado especial das Nações Unidas (ONU) e da Liga Árabe, Lakhdar Brahimi, suspendeu a reunião.

“As conversações de hoje não foram construtivas por causa da estratégia do regime , que muda de assunto para falar de terrorismo”, disse um dos  membros da delegação da oposição, Rima Fleihan.

Uma fonte da delegação do governo informou, por outro lado, que a oposição se recusa a discutir qualquer outro assunto que não seja a criação de um governo.  Os representantes da oposição exigem que Bashar Al Assad abandone o poder e que seja formado um governo de transição, em conformidade com o que foi decidido na primeira conferência de paz sobre a Síria, também em Genebra, em 2012. O governo recusa debater o papel de Assad e nega que o acordo de 2012 exija o seu afastamento.

Lakhdar Brahimi deverá reunir-se separadamente com as duas delegações hoje à tarde para tentar aproximar posições.

Tags: confrância, Nações, PAZ, síria, Unidas

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.