Jornal do Brasil

Sexta-feira, 28 de Novembro de 2014

Internacional

Delegação da Síria ameaça deixar negociações de paz

Agência ANSA

A delegação do governo da Síria ameaçou deixar a conferência pela paz Genebra 2 se não houver "seriedade nas negociações", conforme afirmou o ministro do Exterior, Walid Muallem, ao mediador internacional para a Síria, Lakhdar Brahimi.     

A Genebra 2 vem cercada de contradições e polêmicas por parte de membros do governo sírio. De acordo com a rede de TV al Jazira, o ministro da Informação da Síria, Umran Zoubi, declarou que o regime aceita criar um governo de transição.     Por outro lado, o vice-ministro do Exterior da Síria, Faysal Miqdad, disse a jornalistas em Genebra que o regime não está disposto a ceder o poder e "sonha quem pensa em discutir a remoção do presidente Bashar al Assad".    

Brahimi afirmou que hoje, 24, as reuniões com as delegações estão ocorrendo separadamente. 

Tags: Armas, Civil, guerra, mortes, sírios

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.