Jornal do Brasil

Terça-feira, 21 de Outubro de 2014

Internacional

Constituição egípcia foi aprovada por 98,1% dos votos

Agência ANSA

A nova Constituição egípcia foi aprovada com 98,1% dos votos, sendo que 38,6% da população (cerca de 20 milhões de pessoas) compareceram às urnas, informou o presidente da Comissão Eleitoral Central do Egito, Nabil Salib. Os cálculos mostraram que 1,9% dos eleitores foi contra a nova legislação.    

Logo após o anúncio do resultado, tiveram início festejos na praça Tahrir, no Cairo. Algumas dezenas de partidários do governo, que saúdam o general Abdel Fatah al-Sisi, cantam e dançam no meio da praça, palco dos protestos contra o ex-líder Hosni Mubarak.    

Partidários da Irmandade Muçulmana, do presidente deposto Mohamed Morsi, boicotaram a votação, além de terem se negado anteriormente a ajudar a redigir o documento. Diversas mortes foram registradas no país no últimos dias em decorrência de confrontos entre o grupo e forças de segurança.

Tags: Atos, Egito, ex-presidente, protestos, ruas

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.