Jornal do Brasil

Sexta-feira, 19 de Setembro de 2014

Internacional

Polícia aponta suspeito de matar brasileira na Itália

Agência ANSA

A Procuradoria de Bari, na Itália, apontou formalmente um suspeito pelo homicídio da brasileira Bruna Bovino, de 29 anos, encontrada morta no último dia 12 de dezembro, na uma clínica de estética em que trabalhava. De acordo com o procurador-adjunto Lino Giorgio Bruno, a pessoa cujo nome foi inscrito hoje (17) no processo poderia ser o assassino da jovem ou ter relação com o crime. Nas últimas semanas, a polícia italiana analisou objetos pessoais, ligações telefônicas e pistas encontradas na clínica de estética. 

As autoridades acreditam que Bruna tenha sido morta com uma sovela (ferramenta utilizada em marcenarias e curtumes, geralmente para fazer furos). O resultado da autópsia com a causa da morte deve sair em breve, o que ajudará os investigadores a reconstruírem a cena do crime e os fatos. Bruna foi encontrada morta dentro de seu centro de estética, na cidade de Mola di Bari, região da Puglia. O corpo da brasileira estava semicarbonizado em cima de uma maca e rodeado por velas. (ANSA)

Tags: bari, brasileira, bruna, morte, mulher

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.