Jornal do Brasil

Quinta-feira, 24 de Julho de 2014

Internacional

Argentino vivia com corpo mumificado de mãe

Agência ANSA

Um argentino de 58 anos escondeu por mais de uma década o corpo mumificado da sua mãe dentro da própria casa em Buenos Aires. O caso foi divulgado pelas autoridades da capital argentina, que receberam a denúncia de vizinhos que reclamavam do odor da residência. Ao chegar ao local, a polícia encontrou o corpo mumificado e também o corpo do filho, que havia morrido recentemente. 

O cadáver mumificado de Margarita Aimar de Alferi foi achado na cozinha da casa, sentado diante de uma mesa. Próximo à mesa, estava o corpo de Claudio Alferi, em avançado estágio de decomposição. "Ele deve ter morrido há cerca de um mês", disse a polícia local. "Os vizinhos declararam que o homem apresentava comportamentos estranhos e nunca havia dito que a mãe tinha morrido", afirmaram agentes. A imprensa argentina deu destaque ao caso e tem o comparado com a trama do filme "Psicose", de Alfred Hitchcock. (ANSA)

Tags: aires, buenos, mãe, morte, mumia, vizinhos

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.