Jornal do Brasil

Quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

Internacional

Declaração do Papa sobre gays foi "forçada",diz porta-voz

Agência ANSA

 As palavras do papa Francisco sobre a educação dos filhos dos casais gays foram evidentemente "forçadas", disse hoje, dia 5, o diretor de comunicação do Vaticano, Federico Lombardi.

    O porta-voz da Santa Sé disse, por meio de um comunicado, que "o Papa fez uma consideração de que a situação na qual se desenvolve a educação das crianças e jovens é muito diferente do passado, porque vivemos em muitas situações familiares difíceis, com pais separados, novas uniões, as vezes homossexuais".

>> Papa anuncia visita à Terra Santa em maio deste ano

    "A educação e o anúncio da fé naturalmente não podem prescindir esta realidade e devem ser escutadas pelo bem das novas gerações", concluiu.

    O papa Francisco disse, em discurso realizado em novembro que foi publicada ontem, que, no que diz respeito à educação, as uniões homossexuais "hoje apresentam novos desafios que, para nós, às vezes é difícil compreender". Não devemos "fornecer uma vacina contra a fé" aos filhos dos casais homossexuais, acrescentou. (ANSA)

Tags: Casal, declaração, Francisco, homossexual, pontífice

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.