Jornal do Brasil

Quinta-feira, 2 de Outubro de 2014

Internacional

Confrontos no Camboja deixam pelo menos 3 mortos

Agência ANSA

Pelo menos três pessoas morreram e duas ficaram feridas nos confrontos da manhã desta sexta-feira (3) entre policiais e operários do setor têxtil que protestavam por melhores salários em Phnom Penh, capital do Camboja. As forças de ordem abriram fogo para tentar conter o avanço dos manifestantes, que estavam armados com pedras, bastões e coquetéis molotov.

    Desde dezembro, os trabalhadores estão nas ruas para exigir que os ordenados mínimos passem dos atuais US$ 80 (R$ 191) ao mês para US$ 160 (R$ 382). O primeiro-ministro do país, Hun Sen, prometeu que vai elevar o valor para US$ 95 (R$ 227) até o próximo mês de abril, mas a medida ainda é insuficiente para satisfazer os 650 mil operários do segmento, que é a espinha dorsal das exportações da nação asiática. (ANSA)

Tags: confronto, Operário, polícia, protesto, Salário, têxtil

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.