Jornal do Brasil

Quinta-feira, 17 de Abril de 2014

Internacional

Argentina decreta 'emergência' energética

Agência Brasil

O chefe de governo de Buenos Aires, Mauricio Macri, decretou na noite desse sábado (28/12) estado de “emergência” energética na capital argentina pelos constantes cortes de fornecimento que deixaram milhares de pessoas sem luz nem água, em meio à pior onda de calor em quatro décadas.

Macri informou aos jornalistas que a administração local tem distribuído água potável à população, reforçado as equipes de emergência médica e reduzido ao máximo o consumo de energia nos órgãos públicos. “Esperamos propostas concretas do governo nacional”, disse o presidente da Câmara.

Governo e oposição pediram a apuração de responsabilidades pelos constantes cortes de fornecimento de energia que ocorrem em Buenos Aires e sua área metropolitana há duas semanas, quando começou a onda de calor.

Com altas temperaturas e sem energia, muitos populares voltaram a bloquear estradas e autoestradas como forma de protesto. Pelo menos três pessoas já morreram em consequência da onda de calor que atinge o Centro e o Norte do país.

O Serviço de Meteorologia prevê que a onda de calor deverá se manter até o último dia de 2013 e manteve o alerta vermelho para a capital e entorno, onde vivem cerca de 15 milhões de pessoas.

Tags: altas, com, e sem, energia, muitos, populares, temperaturas, voltaram

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.