Jornal do Brasil

Sábado, 19 de Abril de 2014

Internacional

Congresso paraguaio aprova entrada da Venezuela no Mercosul

Agência Brasil

Por 46 votos a favor e 1 contra, a Câmara dos Deputados do Paraguai aprovou hoje (18), em sessão extraordinária, o protocolo de adesão da Venezuela ao Mercado Comum do Sul (Mercosul). O projeto, enviado pelo Poder Executivo ao Parlamento, foi aprovado pelo Senado na semana passada. Antes da votação, alguns parlamentares liberais, contrários à proposta, deixaram o recinto. O projeto segue agora para o Executivo.

A entrada da Venezuela, que ocupa atualmente a presidência do Mercosul, foi aprovado pela Argentina, pelo Brasil e pelo Uruguai em junho do ano passado, no mesmo dia em que o Paraguai foi suspenso do bloco regional por causa da "ruptura constitucional", que, segundo os governos dos três países, representada pela destituição do então presidente Fernando Lugo pelo Parlamento.

Por causa disso, o Parlamento paraguaio não deu aceitou a entrada da Venezuela no Mercosul.

O presidente da Comissão de Relações Exteriores, José María Ibáñez, manifestou-se a favor do projeto, mas destacou que o Paraguai teve “muitas frustrações, por atitudes mesquinhas de seus sócios". “Hoje, o Paraguai está no limbo: somos fundadores do Mercosul, porém, não estamos participando, nem tomamos parte das decisões importantes do bloco."

Segundo Ibáñez, o país tinha três opções: "A primeira, permanecer tal como está, no limbo, a segunda, retirar-se e entregar seu espaço e a tercera, aceitar, agir com grandeza, virar a página de um incidente passado, que rechaçamos e condenamos, porém, temos que olhar para a frente.”

Tags: . sul, bloco, comum, cone, Venezuela

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.