Jornal do Brasil

Quarta-feira, 16 de Abril de 2014

Internacional

Rússia desloca mísseis nucleares para perto das fronteiras da UE

Agência Brasil

O Ministério da Defesa russo comunicou hoje (16) o deslocamento de mísseis nucleares iskander para perto das fronteiras com a União Europeia (UE). A movimentação russa foi uma resposta à instalação de escudo de defesa aéreo norte-americano na mesma área. O ministro da Defesa da Rússia, Igor Konashenkov, confirmou o posicionamento dos mísseis em Kaliningrado – território russo entre a Lituânia e a Polônia – e disse que a medida não viola qualquer norma internacional.

“O sistema de míssil tático-operacional Iskander foi, de fato, enviado às forças de mísseis e artilharia do distrito militar ocidental”, disse o ministro por meio do porta-voz. De acordo com a Defesa russa, como não há qualquer desrespeito à lei internacional, não há motivo por que países ocidentais protestarem sobre ao posicionamento militar.

Em 2011, a Rússia admitiu o envio de mísseis de curto e médio alcance para as fronteiras orientais da União Europeia, em resposta à instalação do sistema de defesa de mísseis da Organização do Tratado do Atlântico Norte (Otan).

Os Estados Unidos e a Otan argumentam que o escudo não é contra a Rússia, mas destinado a proteger o Ocidente de potenciais ataques de “Estados párias”. Os russos, no entanto, receiam que o sistema possa se tornar uma ofensiva, pois é formado por radares e satélites que orientam a trajetória dos mísseis.

Tags: DEFESA, europeia, Ministério, russia, união

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.