Jornal do Brasil

Domingo, 20 de Abril de 2014

Internacional

Agressores de diretor do Bolshoi são condenados

Agência ANSA

O ex-bailarino solista do Bolshoi, Pavel Dmitrichenko, foi condenado hoje a seis anos de prisão como mandante do ataque com ácido ao diretor artístico do teatro moscovita, Sergei Filin. 

Yuri Zarutski, executor confesso do crime, foi sentenciado a 10 anos. O motorista Andrei Lipatov, acusado de levar o agressor à casa do diretor, recebeu uma sentença de quatro anos de detenção. 

Antes da agressão, Dmitrichenko estava em conflito com Filin, em particular por causa da distribuição de papéis. Ele admitiu ter pedido a Zarutski para dar uma lição no diretor, mas negou haver ordenado o ataque com ácido. Versão esta confirmada por Zarutski, que assumiu ser responsável pela ideia. 

O diretor artístico foi atacado com ácido perto de sua casa no dia 17 de janeiro. Ele passou por 22 operações na Alemanha para salvar a vista, que ficou com danos permanentes. Filin retornou ao Bolshoi apenas em agosto. 

Tags: ácido, agressão, balé, diretor, russo

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.