Jornal do Brasil

Quinta-feira, 17 de Abril de 2014

Informe JB

José Gerardo Grossi não confunde política com advocacia

José Gerardo Grossi não confunde política com advocacia

O advogado José Gerardo Grossi colocou seu escritório à disposição de José Dirceu, quando lhe visitou pela primeira vez, para os momentos de trabalho que lhe foram concedidos pela decisão judicial de liberdade condicional. O advogado, que foi professor de Direito da Universidade de Brasília (UnB), que era representante do escritório do ex-ministro Vitor Nunes Leal que foi aposentado e cassado pelo golpe de 64, não mistura política com advocacia.

O ex-ministro do Tribunal Superior Eleitoral, José Gerardo Grossi, advogou para vários políticos, entre eles Antonio Carlos Magalhães, José Arruda, Joaquim Roriz, Henrique Alves, para políticos do mensalão mineiro, entre eles o ex-governador de Minas, Eduardo Azeredo, e para muitos outros, declara que não confunde política com advocacia.

Tags: da universidade de brasília, de direito, eleitoral, ex-ministro do, professor, superior, Tribunal

Compartilhe:

Postar um comentário

Faça login ou assine para comentar.