Jornal do Brasil

Quarta-feira, 20 de Junho de 2018 Fundado em 1891
Informe JB

Informe JB

Jan Theophilo


Churrasco de candidato

Jornal do Brasil

Flecharam o deputado Índio da Costa pelas costas. Na segunda-feira à noite, Eduardo Paes e Rodrigo Maia promoveram um churrascão na residência do presidente da Câmara, em Brasília. Além da presença de diversas lideranças e prefeitos de cidades como Nova Iguaçu, Caxias e São Gonçalo, entre linguiças e picanhas, alguns dos nomes presentes chamavam muito a atenção. Primeiro, o do ministro Carlos Marun que até brincou com o ex-alcaide “só deixei você sair do MDB porque você vai ser o nosso governador”, ria ele. Mas o que chamou mesmo a atenção foi a presença de cardeais do PSD, partido de Índio, como o senador Eduardo Lopes, pastor que coordena a agenda política da Universal, e o líder do partido na Câmara, Domingos Neto. Após o churrasco, só dois oradores tiveram a palavra: os dois Eduardos, Paes e Lopes, que trocaram carinhos e juras de amor eterno. No alto do Jardim Botânico teve gente sentindo um calafrio na coluna

Guerra de jantares 

Assim que soube do rega-bofe, Índio resolveu reagir. Ele e o deputado Hugo Leal passaram ontem o dia articulando um jantar com os mesmos prefeitos no Coco Bambu, um dos melhores restaurantes de frutos do mar de Brasília. 

Ponta do lápis 

De uma raposa felpuda da política comentando a “guerra dos jantares”. “Eduardo diz que contou 50 prefeitos, Índio está prometendo fechar 30”, ponderou. “Essa conta só não pode passar de 92 senão teremos invadido Minas Gerais”. 

Mirando alto 

Ex-desafeto de Crivella, o advogado Victor Travancas (aquele que entrou com 60 ações contra o prefeito e retirou todas quando ganhou um cargo) resolveu brigar mais alto. Prometeu ontem entrar com ação civil contra o uso da residência oficial do Presidente da Câmara para um evento de pré-campanha de Eduardo Paes. 

Ruim de nome 

A Executiva Nacional do PPS debateu ontem de manhã algumas alternativas de novo nome para a legenda. Estão nas finais: Servir, Pacto, Convergência, Reformistas, Plural e Em Movimento. Difícil é saber qual o pior.

Daqui não saio 

Carlos Lupi continua sonhando com uma coligação em torno de Eduardo Paes. O ex-alcaide por sua vez, adoraria ter a deputada Marta Rocha em sua chapa, como vice ou candidata ao Senado. Difícil é convencer Marta, que não quer perder o mandato de estadual nem sob ameaça de tortura. 

Lindinho na berlinda 

Virou ponto de honra entre o PT e o PC do B convencer o senador Lindberg Farias a desistir da reeleição e vir candidato a federal. Só tem um problema. Com a perspectiva de baixa votação entre as esquerdas, tem deputado nos dois partidos achando que Lindinho federal pode acabar deixando alguém de fora da festa. 

Cena carioca 

Dias atrás no almoço do Bar Lagoa, um casal sentou-se na varanda quando os garçons perceberam que a madame carregava um cãozinho na bolsa. Paiva, um dos garçons mais queridos do restaurante, aproximou-se e disse que não poderia atende-los com o cachorro por ordens da casa. “Mas esse aqui você vai atender”, bancou o cavalheiro, mostrando uma carteira de juiz. Paiva não esmoreceu. “Olha, o senhor é juiz, mas o cachorro não”. O casal saiu sob protestos.

----------

LANCE LIVRE

“Relatos do Front”, filme sobre segurança pública, da Jacqueline Filmes, foi selecionado para o Festival Docs Barcelona. O Canal Futura estreia dia 28, às 22h30, o documentário “A Primeira Pedra”, que apresenta histórias reais de linchamento ocorridas em diversos locais no Brasil e mostra como a violência vem crescendo no país, muitas vezes praticada por quem se intitula “cidadão de bem”.



Tags: jan, mdb, política, psd, índio da costa

Compartilhe: