Jornal do Brasil

Quarta-feira, 23 de Maio de 2018 Fundado em 1891
Informe JB

Informe JB

Jan Theophilo


Laura lá

Jornal do Brasil Jan Theophilo,jan@jb.com.br

Dizem que ser mãe é padecer no paraíso, agora imagine ser mãe em meio a uma das mais confusas campanhas eleitorais dos últimos anos. A pré-candidata do PC do B à Presidência, Manuela Dávila, tira de letra, e é vista frequentemente em atividades políticas com a filha, Laura, de 2 anose meio, no colo. “Nunca vi ninguém perguntar quem está cuidando dos filhos dos políticos que trabalham 7 dias por semana fazendo campanha”, comentou ela em conversa ontem com a coluna. 

“Olê, olê, olê, olá...Manu/Laura”.

Manuela fez uma reflexão profunda sobre como exercer a maternidade em meio ao processo eleitoral. Em 2016, ela resistiu a concorrer à Prefeitura de Porto Alegre para não se afastar de Laura. Mas a disputa presidencial é uma corrida longa e dura e Manuela sabe que terá de contratar gente para ajudá-la a cuidar de Laura. Nos bastidores da campanha dela, o que ninguém quer é ver a pequena afastada. Laura, uma fofa, costuma quebrar o gelo em programas de TV ou mesmo em reuniões mais tensas. Não à toa, em algumas atividades de rua Manuela conta que já ouviu gente cantando “Olê, olê, olê, olá...Manu/Laura”.

Seria coincidência?

Moradores da Delfim Moreira, no Leblon, estão intrigados. Ninguém sabe explicar o que exatamente faziam quatro viaturas da PM na porta do prédio do doleiro Dario Messer, na noite anterior à deflagração da Operação “Câmbio, desligo” da Polícia Federal.

Tempo de TV

Líder da Marcha da Maconha que percorrerá hoje a orla de Ipanema, o vereador Renato Cinco lamentava ontem a baixa adesão da classe artística à mobilização. “Um monte de artista maconheiro e ninguém dá as caras na marcha com medo de ficar queimado”, diz Cinco. “Mas na passeata gay todo mundo vai”.

Falou amizade

É de Caetano Veloso o apartamento para onde João Gilberto se mudou.

Jihad

Sara Winter, a ex-feminista que virou casaca aprontou novamente. Em suas redes sociais está convocando uma “Guerra Santa” contra o que chama de “perseguições aos cristãos nas universidades”. Para quem não lembra, na semana passada Sara tentou fazer uma palestra sobre cristianismo na UFF, mas passou dias provocando a turma da esquerda da universidade. Na hora da palestra quase levou uma coça e só saiu do campus sob escolta da PM. Tem gente que faz de tudo para aparecer, né?

Justa homenagem

Agildo Ribeiro, que na opinião da família e dos amigos de Chacrinha, foi quem melhor imitou o grande apresentador, será homenageado no especial de quatro capítulos que será exibido pela TV Globo na semana do lançamento do longa sobre o Velho Guerreiro dirigido por Andrucha Waddington.

O inferno são os outros

De uma raposa felpuda da política do Rio comentando o atual quadro eleitoral. “Parece que tá todo mundo angustiado com o que vai acontecer com o Eduardo Paes. Menos o Eduardo Paes”.

Última linha

E o Banco Neon, heim? Pelo visto era só letreiro.

LANCE LIVRE

Antonio Guerreiro assina a capa do CD 60 anos de Bossa Nova, da cantora Hanna, que será lançado dia 10 de junho, dia do aniversário de João Gilberto. Uma equipe do Hemorio ficará coletando sangue de doadores terça-feira, das 10h às 15h na Praça XV. A ação foi solicitada pela Comissão de Saúde da Alerj. A Editora Revan lançará “Direito Penal Restaurativo”, de Helena Morgado terça-feira, às 17h, na Livraria da Travessa.



Tags: caetano, jan, lance livre, laura, maconha, manuela, neon, notas, paes, psol

Compartilhe: