Jornal do Brasil

Terça-feira, 22 de Maio de 2018 Fundado em 1891
Informe JB

Informe JB

Jan Theophilo


Tocha humana

Jornal do Brasil

Foi mais do que um tiro no pé a declaração do presidente da Assembléia, André Ceciliano, sugerindo uma aliança entre PT e DEM em torno de Eduardo Paes. “Isso não tem rigorosamente o menor cabimento”, afirmou o pré-candidato do partido ao governo, o ex-chanceler Celso Amorim. “Pra fazer isso, melhor dissolver o partido de uma vez”. Celso afirmou à coluna desconhecer Ceciliano e diz que a colocação do seu nome na disputa é necessária para que se componha no Rio o mesmo formato  de união das esquerdas que vem sendo discutido nacionalmente. “Não tenho ambição pessoal alguma. Estou nesse processo exclusivamente para ajudar o partido”, diz Amorim. O factóide de Ceciliano pegou mal da base do partido à raposa felpuda mais graduada. “A ida de Eduardo pro DEM inviabiliza uma discussão até de segundo turno”, afirmou o presidente do PT do Rio, Washington Quaquá. Se já não andavam muito à vontade no PT, Ceciliano agora ficou parecido com aquele personagem da Marvel que pega fogo sozinho.

Pé na cova 

Está à beira da morte mais uma tradição da boemia carioca. Depois de fechar suas filiais na Lapa e na Barra, a tradicional Pizzaria Guanabara se desfez de um terço do restaurante original do Leblon. O famoso point do Baixo Leblon respira agora por aparelhos.

Tempos de guerra 1 

A chapa esquentou pra valer ontem no campus do Gragoatá da UFF. Sara Winter, a ex-feminista que virou casaca e criou o Movimento Universitário Cristão, resolveu marcar uma palestra sobre feminismo na faculdade de filosofia. E passou a semana atiçando o povo nas redes sociais dizendo que a “esquerda” iria se mobilizar para impedi-la de falar. Não deu outra.

Tempos de guerra 2

 Em vez de ignorar a provocação, a rapaziada acusou o golpe. Quando Sara chegou à faculdade, já havia mais de 300 estudantes esperando-a. Cercada por pelo menos uma dúzia de seguranças, ela abriu caminho entre a turba à base de disparos de spray de pimenta. Acabou cercada no prédio e sem condições de dar a palestra. Só saiu após a chegada da PM.

Desperdício 

O Diário Oficial da Assembléia dedicou ontem três extensas páginas transcrevendo o último bate-boca entre os deputados Cidinha Campos e Flávio Serafini. Os argumentos dispensam citação. Mas imaginem quantas árvores foram sacrificadas pra produzir tamanha inutilidade.

Liberalismo na veia 

Privatizar é bom, não é? Pois bem, foi a estatal italiana Enel quem fez a maior oferta pela Eletropaulo. 

Tiro, porrada e bomba 

Por pouco não se chegou às vias de fato na reunião de anteontem à noite do diretório municipal do PDT. Setores do partido que são contra a nomeação de Renato Moura como secretário de Trabalho de Crivela levaram um boneco do prefeito com um cartaz apresentando 12 motivos para o PDT se manter na oposição. Teve gente que estrilou.

Só que... 

No fim da reunião foi aprovado que o partido não participará do governo. Mas sabe o que acontece agora? Nada. O presidente nacional do PDT, Carlos Lupi, bancou a indicação de Moura e os filiados que reclamem com o bispo. Literalmente.

Augusto Comte 

Um grupo de ativistas que reúne Guilherme Constant, tataraneto do estadista Benjamin Constant, lançou movimento em todo o país para incluir a palavra “Amor” na Bandeira nacional. Eles querem desengavetar o projeto de lei 2179/03, do deputado Chico Alencar, que acrescenta a palavra ao lema “Ordem e Progresso”. Para isso, o grupo vai percorrer todas as capitas brasileiras com o objetivo de colher 1,7 milhão de assinaturas. 

LANCE LIVRE

Presidente da Sociedade de Amigos de Carlos Lacerda, o ex-deputado Mauro Magalhães promove missa pelos 104 anos do ex-governador do antigo estado da Guanabara, nesta segunda, às 11hs, na igreja de Nossa Senhora do Carmo. 



Tags: artigo, informe, jan, jb, theophilo

Compartilhe: