Jornal do Brasil

Acervo

Confira as #Dicas de discos do Caderno B

Jornal do Brasil

“Doble chapa” – Nenhum de Nós Sim, o Nenhum de Nós (“Camila Camila”, “Astronauta de mármore” – quem se lembra?) ainda existe. O tempo parece não ter passado para a banda liderada por Thedy Corrêa, que continua a fazer um pop-rock simplesinho, sem firulas, mas quase sempre cativante. Neste EP de cinco faixas, o grupo reforça seus laços com o pop latino: duas das canções são gravada em espanhol e outra, “Fã de Faith No More”, é uma versão de uma canção composta por Socio (alcunha de Fede Lima, cantor uruguaio que participa da faixa de abertura, “Uma vida ordinária”).

“Sueli Costa convida” – Sueli Costa, Fernanda Cunha  & Áurea Martins Só por ter composto (com Abel Silva) o clássico “Jura secreta” (1977), Sueli Costa já tinha garantido presença eterna no panteão dos grandes talentos da MPB. Mas, além de muitos outros sucessos, a compositora ainda se mantém ativa aos 75 anos. Este CD, gravado ao vivo, traz Sueli ao piano, em duo com Áurea e Fernanda. Com arranjos simples e elegantes, o trio repassa os momentos mais importantes da carreira da compositora, incluindo “Vida de artista”, “Canção brasileira”, “Cobras e lagartos” e – para encerrar, naturalmente – “Jura secreta”.

“Violão, amigos e canções” –  Zé Paulo Becker. Há duas décadas, ZPB é considerado, com justiça, um dos maiores violonistas do Brasil. Sua expertise passa pelo samba, o choro e o jazz. Com seu novo álbum, gravado ao vivo e em estúdio, confirma também o talento como compositor: todas as 12 canções são de sua autoria, só ou em parceria com nomes como Aldir Blanc (“Rua Bariri”), Paulo César Pinheiro (“A visita oficial do samba”) e Mauro Aguiar (“Incinero”, “Sertão do vale”). Coadjuvantes de luxo, as vozes de Roberta Sá e Ney Matogrosso pontuam, respectivamente,  em “A visita oficial do samba” e “Incinero”.



Tags:

Recomendadas para você