Jornal do Brasil

Acervo

Crivella agradece à base e diz que Deus não o fez 'para desejar o mal a inimigos'

Prefeito se manifestou após abertura do processo de impeachment ser rejeitada na Câmara

Jornal do Brasil

O prefeito Marcelo Crivella publicou, agora há pouco, um vídeo no Twitter no qual agradece aos vereadores da base aliada por rejeitarem a abertura do processo de impeachment na Câmara dos Vereadores. 

>> Câmara Municipal do Rio rejeita impeachment de Crivella por 29 votos a 16

Na mensagem, Crivella também agradeceu a Deus e disse não desejar mal a inimigos ou adversários. No fim da mensagem, o prefeito foi acusado de favorecer evangélicos falou sobre a necessidade da população se unir para superar as crises de violência e desemprego que afligem a cidade. 

Mensagem do prefeito na íntegra

Terminou a sessão na Câmara dos Vereadores que rejeitou o pedido de impeachment do prefeito. Eu quero agradecer a Deus, quero agradecer também aos vereadores da base que com muita firmeza rejeitaram o pedido que não tinha nenhuma base jurídica. Não tinha razão. Também quero aqui, neste momento, fazer um apelo. Um apelo à oposição, à base do governo, para que nós possamos superar tudo isso que acaba de ser varrido para o lixo da História e pensarmos na nossa cidade do Rio de Janeiro. Deus não me fez para desejar o mal a inimigos, adversários, muito menos à cidade que eu tanto amo e que luto para que a gente possa superar essa crise de violência, de desemprego. O Rio perdeu mais de 310 mil empregos nos últimos três anos e é preciso colocar acima de todas essas disputas o interesse da nossa gente sofrida e valente. É por isso que, nesse momento, eu conclamo a todos para que juntos possamos encontrar os caminhos pacíficos para a solução das mais duras controvérsias que nos afligem e todos nós possamos erguer os olhos ao horizonte sem fim da esperança dessa cidade tão linda que Deus nos deu. E mudar para que ela não seja a cidade da violência, da corrupção, mas sim a cidade maravilhosa de tantos mil e a mais linda do Brasil. Muito obrigado. 



Tags:

Recomendadas para você