Jornal do Brasil

Acervo

‘Feliz por natureza’

Jornal do Brasil

Por sites como “Izvestia”, o governo brasileiro lançou, ontem, na Rússia, uma “campanha em larga escala” intitulada “Feliz por natureza” – ecoando o verso da canção “País tropical”, “bonito por natureza”. O objetivo, publica o jornal russo, “é mostrar a atitude feliz dos brasileiros diante da vida”. Os cartazes da campanha já apareceram nas ruas de Moscou, em ônibus e pontos. No dizer de um representante do governo brasileiro, outra motivação para o esforço publicitário, que deve incluir um show no centro da capital russa com o sambista Diogo Nogueira e outros, é “chamar a atenção de potenciais parceiros comerciais”.

Em contraste, por jornais como os espanhóis “Marca” e “El País” e até pelo “The Players’ Tribune”, plataforma que visa “conectar os atletas diretamente com seus fãs”, acumulam-se os relatos até trágicos sobre a juventude dos jogadores que chegaram à Copa da Rússia. Com uma montagem só dos olhos de ídolos como Firmino e o nigeriano Moses, mais o título “Os olhares tristes do Mundial: de infâncias terríveis ao topo do futebol”, o “Marca” relatou casos de pais mortos por guerra e de deportação.

Por sua vez, o “El País” mostrou que seis dos 11 titulares brasileiros cresceram sem o pai biológico: Casemiro, Gabriel Jesus, Marcelo, Miranda, Paulinho e Thiago Silva. E o belga Lukaku contou no “Players’ Tribune” o momento em que, aos seis anos, flagrou a mãe “misturando água no leite” e percebeu que não havia mais dinheiro nenhum – e fez a promessa de ajudá-la, como jogador.

Final prematura - As seleções brasileira e alemã correm o risco, em partidas hoje, de deixar a Copa ainda na fase de grupos. Mas sites esportivos russos como “Championat” e “Sportbox” especulam, desde o fim de semana, um encontro de ambas nas oitavas, com enunciados como “Copa pode ter final prematura”.

Torturando números - O Goldman Sachs, segundo “Financial Times” e “Business Insider”, refez sua suposta “simulação de um milhão de variantes” e agora também prevê Brasil e Alemanha se enfrentando nas oitavas. Mas mantém o prognóstico de vitória brasileira, não só contra alemães, mas contra o que seria o novo adversário na final do dia 15, a Inglaterra. O FT ironiza que a simulação “com certeza não é uma jogada de marketing” do banco de investimento.

Putin & Trump - Veículos russos como “Kommersant” e americanos como “Politico” e “Bloomberg”, entre outros, acompanham passo a passo a preparação do encontro dos presidentes Putin e Trump, para o dia ou a véspera da final, em 15 de julho. O assessor de Segurança Nacional dos EUA, John Bolton, era esperado ontem em Moscou para acertar detalhes e para uma primeira “photo-op”, oportunidade de foto, com o líder russo.



Tags:

Recomendadas para você