Jornal do Brasil

Acervo

Casamento real: nem tão interessados assim

Jornal do Brasil

Dois em cada três britânicos “não estão interessados” no casamento do príncipe Harry e Meghan Markle, que será realizado no sábado, revelou pesquisa divulgada ontem. Segundo enquete do instituto YouGov, 66% dos entrevistados não  expressaram curiosidade sobre o casamento entre o filho de 33 anos da falecida Lady Di, sexto na linha de sucessão ao trono, e a atriz americana, de 36. 

Encomendado pelo grupo antimonárquico Republic, o levantamento foi feito com 1.615 britânicos na semana passada. De acordo com a pesquisa, apenas 9% dos entrevistados disse estar “muito interessado” no casamento, e 27% afirmou que vai acompanha a cerimônia ao vivo no sábado. Ainda segundo a enquete, mais da metade disse que a família real deveria “pagar todo casamento”, e pelo menos 75% não quer que se gaste um centavo de dinheiro público. A família real cobrirá os gastos da cerimônia e da recepção, mas os custos com o dispositivo de segurança ficará a cargo dos cofres públicos. 

Apesar de alguns aspectos do casamento entre o príncipe e a atriz não terem sido revelados, a Casa Real já divulgou muitos detalhes do evento. A cerimônia acontecerá na Capela de São Jorge, no Castelo de Windsor, residência real de mais de 900 anos a oeste de Londres. A cerimônia será celebrada ao meio-dia local (8h de Brasília). A Capela de São Jorge é morada eterna de 11 monarcas, incluindo Henrique VIII e Charles I, e geralmente está aberta ao público. O deão de Windsor, David Conner, celebrará a cerimônia, enquanto o arcebispo de Canterbury, Justin Welby, líder espiritual da Igreja Anglicana (ou Igreja da Inglaterra), será encarregado de receber os votos matrimoniais. 

A rainha Elizabeth II teve que aprovar o casamento. A lei britânica estipula que o monarca deve dar a sua bênção ao matrimônio das seis pessoas que o seguem na linha de sucessão ao trono se quiserem manter seu lugar. Markle, por sua vez, teve que ser batizada na Igreja Anglicana pelo arcebispo de Canterbury. Cerca de 600 pessoas foram convidadas para assistir à cerimônia e participar da recepção e almoço no salão São Jorge do Castelo de Windsor. 

O príncipe Harry já escolheu seu padrinho - seu irmão William -, e Markle optou por não ter dama de honra, já que “tem muitas amigas próximas e não quer escolher entre elas”, segundo o porta-voz do Palácio de Kensington. Cerca de 200 convidados irão à noite para uma festa mais restrita em Frogmore House, residência real ao sul do castelo. Outras 2.640 pessoas foram convidadas para os arredores do Castelo de Windsor para ver a chegada e a saída dos noivos em sua carruagem, incluindo representantes de organizações de caridade e veteranos militares. A polícia espera que o público em Windsor para o casamento chegue a  100 mil pessoas.



Tags:

Recomendadas para você