Jornal do Brasil

Acervo

Nos Estados Unidos, Moro recebe título de "Personalidade do ano"

Jornal do Brasil

O Juiz Sergio Moro dividiu com Michael Blomberg, ex prefeito de Nova Iorque, o prêmio de "Personalidade do ano", concedido pela Câmera de Comércio Brasil-Estados Unidos, de Nova York.

Acompanhado de sua mulher, Rosângela Wolff Moro, o juiz foi aplaudido por mais de mil pessoas que pagaram a partir de US$ 1.200 para ouvir o juiz brasileiro discursar, com direito a jantar de gala realizado no Museu de Arte Moderna de Nova Iorque. 

Fora do Museu, mais de 200 brasileiros protestavam contra Moro.

Em seu discurso, que durou 20 minutos, Moro disse que "a Lava Jato é uma prova de vigor da democracia", que sua premiação "legitima a luta contra a corrupção no Brasil" e que "os setores privados, brasileiro e americano, apoiam o movimento anticorrupção no Brasil".

João Doria, que no ano passado recebeu o prêmio, discursou em homenagem ao agraciado deste ano e afirmou que "Moro é um herói nacional", pedindo que todos os mil convidados se levantassem para aplaudir o Juiz Moro, no que foi prontamente atendido.

O Juiz Moro, junto com o Ministro Carlos Marun, do governo Temer, faz hoje palestra em Nova York, em evento patrocinado pela Lide, empresa de eventos de João Doria Jr.



Tags:

Recomendadas para você