Jornal do Brasil

Acervo

Árbitro francês que agrediu brasileiro é suspenso por 3 meses

Chapron ainda ficará outros três meses em 'observação' no país

Jornal do Brasil

O árbitro Tony Chapron, que agrediu o jogador brasileiro Diego Carlos durante uma partida entre Nantes e Paris Saint-Germain (PSG), foi suspenso por três meses das funções, anunciou o Comitê Disciplinar da Liga de Futebolistas Profissionais da França (LFP).

Além disso, o grupo anunciou que, após a suspensão, ele ficará sob "supervisão" pelo mesmo período e, em caso de reincidência, será afastado mais uma vez. No entanto, o árbitro de 45 anos, que se aposentará no fim do ano, pode recorrer da decisão.

O caso ficou mundialmente famoso durante a partida vencida pelo PSG por 1 a 0 em 14 de janeiro. O zagueiro do Nantes corria próximo ao árbitro quando, sem querer, causou a queda de Chapron.

Ainda no chão, o árbitro tentou dar uma rasteira no brasileiro e ainda expulsou o zagueiro. Segundo o Comitê, ele pediu "desculpas" pelo ocorrido e disse que reagiu "de maneira errada" ao acontecimento.



Tags:

Recomendadas para você