Jornal do Brasil

Acervo

Seul pode convidar Coreia do Norte para Jogos Olímpicos

Reunião de alto nível foi marcada para dia 9 de janeiro

Jornal do Brasil

A Coreia do Sul propôs uma reunião no dia 9 de janeiro para debater com os vizinhos do Norte a possível participação de uma delegação norte-coreana nos Jogos Olímpicos de Inverno, que serão disputados em Pyeongchang entre os dias 9 e 25 de fevereiro.

De acordo com o ministro sul-coreano para a Unificação, Cho Myoung-gyon, a decisão de se reunir com Pyongyang é uma "resposta" à declaração de fim de ano feita pelo líder do país vizinho, Kim Jong-un, no dia 31 de dezembro (1º de janeiro no Brasil).

Na mensagem, que manteve um tom duro contra os Estados Unidos, o ditador norte-coreano disse desejar que as Olimpíadas na Coreia do Sul sejam "verdadeiramente um sucesso" e que estava pensando em enviar uma delegação esportiva ao evento.

"Esperamos que Sul e Norte sentem e discutam a participação do Norte nos Jogos e as maneiras para melhorar as ligações intercoreanas de maneira franca", acrescentou o ministro.

Na nota divulgada à imprensa, o presidente Moon Jae-in convida os Ministérios para a Unificação e do Esporte "a dar andamento, rapidamente, às medidas para reiniciar uma diálogo Norte-Sul" sobre a participação da delegação norte-coreana.

Moon ainda afirmou, durante sua primeira reunião de Gabinete em 2018, que "uma melhoria das relações não pode ser separado" das questões nucleares.

Após o anúncio, a China informou que "acolhe de maneira positiva" as mensagens de diálogo entre os dois líderes da península coreana.

"Isso é uma boa coisa. Pequim apoia qualquer esforço eficaz no melhoramento das relações", disse em coletiva de imprensa o porta-voz do Ministério da Relações Exteriores, Geng Shuang.

Se o encontro, de fato, ocorrer, ele será realizado na cidade de Panmunjon, conhecida como a "cidade da trégua".



Tags:

Recomendadas para você