Jornal do Brasil

Acervo

Príncipe Harry e Meghan Markle fazem primeira aparição pública como noivos

O monarca afirmou saber que casaria com a amada desde o primeiro encontro: "Nas nuvens"

Jornal do Brasil KARINA KUPERMAN

Divorciada, feminista, ativista e... noiva do príncipe Harry. A atriz americana Meghan Markle acaba de entrar para a família real britânica. Nessa segunda-feira, 27, o casal fez sua primeira aparição pública após o anuncio do noivado e posaram para fotógrafos nos jardins do Palácio de Kensington, em Londres. Quinto na linha sucessória para o trono britânico, Harry afirmou que a união foi abençoada por sua avó, a rainha Elizabeth II - clara demonstração do quanto a monarquia se modernizou. Nas últimas décadas, era impensável que um membro da realeza se casasse com uma pessoa divorciada. 

Em uma breve conversa com a imprensa, Meghan se limitou a dizer que o pedido de casamento foi "romântico". Já o príncipe disse que está "nas nuvens" e afirmou que soube que a namorada era a mulher com quem ele queria se casar na primeira vez que a viu. Em um comunicado, o príncipe Charles disse que ele estava "feliz em anunciar" o noivado do filho e que havia recebido a bênção dos pais de Meghan. Já príncipe William e sua mulher, a duquesa Kate Middleton, felicitaram o casal: "Tem sido maravilhoso conhecer Meghan e ver o quão feliz ela e Harry são juntos".

De acordo com um comunicado divulgado nesta segunda, o enlace deve acontecer na primavera de 2018, no hemisfério norte, em data a ser anunciada no "devido momento". O noivado aconteceu em Londres no início de novembro, mas só foi anunciado agora. Ainda segundo a nota, o casal viverá em Nottingham Cottage, residência que fica na área do palácio de Kensington, onde mora o irmão de Harry, William, com a família.

Nascida em Los Angeles, Meghan ficou famosa ao interpretar Rachel Zane no seriado canadense "Suits" e é conhecida por defender suas raízes africanas em entrevistas e viajar o mundo em nome de causas sociais - como o empoderamento feminino e a água limpa para populações pobres. 

Quando assumiu o relacionamento com o monarca, Meghan foi alvo de diversos comentários preconceituosos, o que fez com que a realeza enviasse um comunicado em que condenava "o sexismo, o racismo e a difamação" contra a atriz, que já manifestou diversas vezes se orgulhar de ser uma mulher "fruto da mistura de raças".



Tags:

Recomendadas para você