Jornal do Brasil

Acervo

Elenco e equipe de One Tree Hill acusam Mark Schwahn de assédio

Jornal do Brasil

O elenco e a equipe da série norte-americana One Tree Hill acusaram, em carta aberta, o showrunner Mark Schwahn de assédio, e apoiaram declarações anteriores da roteirista Audrey Wauchope contra ele. Audrey contou que era constantemente tocada sem consentimento por Schwahn.

No texto, o grupo afirma que "o comportamento de Mark Schwahn durante as filmagens de One Tree Hill era algo como 'um segredo conhecido'". 

"Muitas de nós fomos, em graus diferentes, manipuladas psicológica e emocionalmente. Mais de uma nós ainda está em tratamento de stress pós-traumático. Muitas de nós fomos colocadas em situações desconfortáveis e tivemos que aprender a lutar, muitas vezes fisicamente, porque ficou claro para nós que os supervisores na sala não eram os protetores que deveriam ser", diz trecho da carta aberta.

O documento reforça que mulheres se uniram nos bastidores em busca de segurança, alertando novas funcionárias sobre os casos, e destaca a pressão sofrida da época de que, se o caso fosse divulgado publicamente, a série poderia ser cancelada. "Essa não é uma pressão apropriada para colocar em jovens garotas."

Em comunicado, E!, Universal Cable Productions e Lionsgate Television, responsáveis pela série comandada atualmente por Schwahn, The Royals, informaram que monitoram as informações e que estão comprometidas em promover um ambiente seguro de trabalho.



Tags:

Recomendadas para você