Jornal do Brasil

Acervo

Uefa investiga ofensas racistas da torcida da Roma

Agressão verbal teria ocorrido em partida contra o Chelsea

Jornal do Brasil

A Uefa abriu uma investigação para apurar possíveis ofensas racistas da torcida da Roma contra o zagueiro alemão Antonio Rüdiger, durante a partida contra o Chelsea pela Liga dos Campeões da Europa.    

Ex-jogador giallorosso e hoje atleta do clube londrino, o defensor teria sido chamado de "macaco" durante o confronto.    

De acordo com a entidade, foram abertos procedimentos disciplinares contra a equipe italiana, e o caso será julgado no dia 16 de novembro. 

Nascido da Alemanha, mas de ascendência africana, Rüdiger, de 24 anos, atuou pela Roma em duas temporadas, mas foi vendido para o Chelsea. Na última quarta-feira (18), as duas equipes empataram por 3 a 3, em Londres.



Tags:

Recomendadas para você