Jornal do Brasil

Acervo

Prefeitura proíbe consórcio Contemat/ Concrejato de participar de licitações

Jornal do Brasil

O Diário Oficial desta quarta-feira (27) publica decreto do prefeito Eduardo Paes que afasta as empresas Contemat Engenharia e Geotecnica S/A e Concrejato Serviços Técnicos de Engenharia S/A de todos os processos de contratação e licitação de obras de estrutura, enquanto durarem os trabalhos de apuração das responsabilidades técnicas pelo acidente da Ciclovia da Niemeyer, ocorrido na última quinta-feira (21).  

Além disso, todos os pagamentos destinados às duas empresas estão retidos. O decreto também determina que os responsáveis técnicos do consórcio para a obra da Ciclovia da Niemeyer sejam afastados de qualquer contrato firmado com o Município. Comprovada a responsabilidade das empresas, elas serão consideradas inidôneas na forma da lei.

Em editorial desta terça-feira (26), o Jornal do Brasil afirmou que "o prefeito também se precipitou ao determinar que a reconstrução da ciclovia será feita pela mesma empresa - Concremat - responsável pela obra que já mostrou não ser confiável". A revisão da decisão do prefeito, portanto, mostra que houve bom senso.

>>Tragédia da ciclovia expõe promiscuidade público-privada

>>MPRJ apura se houve improbidade administrativa na contratação de ciclovia



Tags:

Recomendadas para você