Jornal do Brasil

Sábado, 21 de Julho de 2018 Fundado em 1891

Heloisa Tolipan

www.heloisatolipan.com.br

Padre Fábio de Melo não gosta das celebrações de final de ano: "Obrigação de ser alegre"

Ele revelou que prefere passar o Natal e o Réveillon em lugares menos cheios

O padre Fábio de Melo revelou, em uma conversa com a jornalista Leda Nagle em seu canal no Youtube, que não é muito fã das festas de fim de ano. O motivo? Ele não gosta da "responsabilidade" de ter que estar feliz. "É quase uma inquisição. Você tem que ser alegre nessa data e isso é cansativo. Porque às vezes a pessoa não está naquela alegria toda, mas tem que fazer o papel. Igual noite de Natal. Eu tenho pena de quem prepara a ceia, faz a correria toda e na hora de comer a pessoa que preparou não aguenta ficar em pé”, afirmou ele, que, por não gostar das comemorações, precisou, ao longo da vida, tomar coragem de fugir dos lugares lotados.

Padre Fábio de Melo

“O pior lugar do mundo é o litoral no interior. Fila para a padaria, fila para o restaurante, e vê aquele mar de gente, fingindo estar feliz. Um dia comecei a tomar coragem de estar onde achei que era mais interessante. Gosto de não ter a responsabilidade da alegria do fim de ano e nem ficar respondendo aquelas mensagens encaminhadas, que você sabe que não foi escrito para você. Tudo é cansativo”, desabafou.



Tags: alegria, ano novo, celebração, cheio, comemoração, coragem, festas, karina kuperman, leda nagle, natal, obrigação, padre fábio de melo, responsabilidade, reveillon

Compartilhe: