Jornal do Brasil

Sexta-feira, 20 de Julho de 2018 Fundado em 1891

Heloisa Tolipan

www.heloisatolipan.com.br

Angelina Jolie revela que tentou salvar seu casamento com Brad Pitt por meio do cinema

A atriz contou que convidou o ex para protagonizar "By the sea" ao seu lado para se comunicarem

Karina Kuperman

Angelina Jolie convidou Brad Pitt para atuar com ela em "By the sea" para tentar salvar o casamento. Pelo menos foi o que a atriz revelou durante uma entrevista ao portal  'Hollywood Reporter'. Direta, Jolie explicou que o cinema sempre foi importante na conexão com o ex. "Nos conhecemos trabalhando juntos e foi uma boa parceria. Eu queria que fizéssemos mais coisas juntos. Pensei que seria uma boa maneira para nos comunicarmos melhor”, disse, referindo-se ao sucesso "Sr. e Sra. Smith", de 2004. 

Brad e Angelina quando se conheceram, em "Sr. e Sra. Smith"

Os planos para o filme de 2015, no entanto, não saíram como ela queria. Na trama, Angelina e Brad vivem um casal em crise que resolve ir à um resort no litoral parisiense e, por lá, acabam conhecendo os moradores da região e dois turistas recém-casados. Além de protagonista, Jolie também dirigiu a obra. “Havia um peso durante o processo que não estava ligado ao filme. Uma obra de arte pode ser transformadora ou difícil. Não sei. Mas estou feliz que fizemos o filme, pois exploramos coisas juntos. Pode não ter resolvido algumas situações, mas conseguimos comunicar algo um ao outro", analisou.

Angelina Jolie dirigiu "By the sea", em que contracenou com Brad Pitt

A atriz pediu o divórcio em setembro de 2016 e, desde então, fez poucos comentários sobre a separação. Brad, no entanto, chegou a assumir a culpa pelo fim do relacionamento de 11 anos. "Aprendi que o homem é quem manda, é quem sabe de tudo. O forte que não tem dúvidas. E esse conceito me deu um soco na cara após o divórcio”, explicou o ator, em entrevista à GQ Style americana. De acordo com Pitt, a bebida também foi um fator de crise na relação. "Eu mal lembro de um dia, desde a faculdade, que eu não estivesse bebendo ou fumando. Era como eu fugia dos meus sentimentos. Quando comecei minha família larguei tudo, menos o álcool. E eu estava bebendo muito. A bebida se tornou um problema", disse ele, que, agora, faz psicoterapia para aprender a demonstrar melhor seus sentimentos. 

Nessa entrevista, Jolie fez também seu mea-culpa. “Durante os últimos dez anos, eu perdi minha mãe, fiz uma mastectomia, depois tirei os ovários após uma ameaça de câncer. Outras coisas difíceis aconteceram durante o período”, lamentou.

De acordo com a revista "Star", Angelina ainda tem o desejo de se reconciliar com o ex, pai de seus seis filhos. Uma fonte do tabloide assegura que a atriz disse aos seus amigos mais próximos que cometeu o pior erro de sua vida ao deixar o ator. "Ela esteve chorando por perdê-lo. Mas Brad não pensa em se reconciliar. Ele acha que a relação está danificada demais para se recuperar". 

Brad e Angelina, quando eram casados

Desde que anunciaram a separação, nem Brad, nem Angelina assumiram outro relacionamento em público. Agora, o tabloide afirma que os dois podem passar as festas de fim de ano juntos, para estar todos reunidos em família. "O convite está feito, Brad pode passar o Natal em casa com ela e as crianças", revelou o informante.



Tags: angelina jolie, brad pitt, brangelina, by the sea, cinema, câncer, diretora, divórcio, filhos, filme, karina kuperman, knox, maddox, mastectomia, mea-culpa, mãe, ovários, pax, separação, shiloh, sr. e sra. smith, vivienne, zahara

Compartilhe: