Jornal do Brasil

Domingo, 22 de Abril de 2018 Fundado em 1891

Heloisa Tolipan

www.heloisatolipan.com.br

Bruna Marquezine elogia José Fidalgo: "Poucas vezes cruzei com atores tão sinceros"

A atriz revelou, ainda, que é um desafio dar vida à vilã Catarina: "Difícil sentir tanto ódio"

Karina Kuperman

Bruna Marquezine tem vivido intensamente sua primeira vilã, a princesa Catarina em "Deus salve o Rei", trama que se passa na Idade Média. "Da parte da preparação para a prática, muita coisa mudou. Ela de fato é bem má. Fazer uma mulher cruel é muito interessante e desafiador. A cada dia descubro uma coisa nova. Nunca imaginei como é difícil se permitir sentir tanto ódio, raiva e desprezo, deixar suas emoções chegarem nesse lugar. É cansativo", desabafou ela, que, apesar disso, tem gostado de ser uma vilã. "Catarina me dá possibilidades de criar muito, com cada personagem da trama ela tem um relacionamento diferente. A gente está no início das gravações ainda,  não entrou no ritmo de novela, sabe? Por isso, todo dia descubro um lado dela", disse.

Bruna e José Fidalgo em cena de "Deus salve o rei"

Na história, prevista para estrear no início de janeiro, Catarina é a princesa do reino de Artena. Filha do rei Augusto, vivido por Marco Nanini, ela está prometida ao marquês de Cordona, Istvan (Vinícius Calderoni), mas não tem a menor vontade de subir ao altar e se envolve com Constantino, vivido pelo português José Fidalgo. "Ela não quer se casar. A Catarina é fria e calculista, mas o que tem de interessante no relacionamento dela com o Constantino é que não é uma paixão óbvia. Eles compartilham os mesmos desejos e objetivos. E se unem não só porque existe uma atração enorme, mas também porque são pessoas que querem caminhar para o mesmo lugar", adiantou. Em uma entrevista ao colunista Daniel Castro, Bruna entregou o que esperar do casal - que, com as fotos de bastidores, já tem encantado os fãs por sua química. "É um relacionamento construído na insegurança. É um casal que se gosta, mas tem ao mesmo tempo muita desconfiança um do outro. Ela se entrega a esse homem, mas a qualquer momento pode trair ou mandar matá-lo. E ela sabe que ele tem o mesmo posicionamento em relação a ela".

Já por trás das cenas, o clima é de pura alegria e amizade. Bruna afirmou que o intérprete de seu par romântico é um dos atores mais generosos com quem já atuou. "Poucas vezes cruzei com atores tão sinceros. Ele é excelente e falei que acho que não vão deixá-lo voltar para Portugal", elogiou. 



Tags: alegria, amizade, ator, atração, bruna marquezine, cansativo, casar, catarina, constantino, desconfiança, deus salve o rei, fria, história, insegurança, josé fidalgo, karina kuperman, marco nanini, portugal, princesa, química, relacionamento, trama, vilã

Compartilhe: